Homem é morto com seis tiros em Almirante Tamandaré

Lineu Filho


O movimento em um bar da Rua Marechal Deodoro da Fonseca, Jardim Buenos Aires, em Almirante Tamandaré, não intimidou assassinos de João Ricardo de Meira, 32 anos. O homem estava próximo a um telefone público, quando quatro bandidos se aproximaram e atiraram.

Não foi informado se ele fazia uma ligação, quando tombou com seis balaços, na varanda perto da entrada do boteco, onde vários clientes eram atendidos. Assim que confirmaram que a vítima estava morta, os bandidos intimidaram os frequentadores para que não denunciassem o crime e saíram atirando para cima, para assustar as testemunhas.

Fuga


Os quatro entraram em um Kadett e desapareceram. Policiais Militares atenderam a ocorrência, mas não conseguiram muitas informações com as testemunhas. A delegacia de Almirante Tamandaré investiga o crime e tenta identificar o veículo, para chegar aos assassinos.

Assim que o corpo foi removido pelo Instituto Médico-Legal, coube ao proprietário do bar lavar a grande poça de sangue que se formou onde João tombou.


Publicidade

Publicidade