Homem encontrado morto boiando no Rio Barigui

Fernanda Deslandes Publicação 25/10/2011 - 13h03 Atualizado 19/01/2013 - 22h12

Guardas municipais e bombeiros tiveram que correr atrás de um cadáver que era arrastado pela correnteza do Rio Barigui, por volta das 10h desta terça-feira (25). O corpo foi visto por moradores da Cidade Industrial de Curitiba no momento em que uma chuva forte caía na capital.

Assim que perceberam que se tratava de um cadáver, eles correram até o posto da Guarda Municipal, que fica na esquina das ruas Valdemar Cavanha e Raul Pompéia. O guarda José Morais conseguiu localizar o corpo passando sob uma ponte na Rua Luiz Cardoso, e ligou para o Corpo de Bombeiros para pedir ajuda para resgatá-lo.

O guarda municipal correu atrás do corpo até a Rua Vicente Michelloto, no limite com Araucária, quando finalmente os bombeiros conseguiram usar uma corda para amarrar o cadáver e acionar o Instituto Médico Legal. Entre a "perseguição" e o resgate do corpo, passou-se quase uma hora.

O cadáver já estava em estado de decomposição. A vítima tinha cabelos curtos e encaracolados, pretos, e não tinha nenhum ferimento visível. Não foi possível apurar a idade aproximada. Apenas o exame de necropsia poderá determinar a causa da morte.


Publicidade

Publicidade