Assalto a carro-forte termina em tiroteio

Janaina Monteiro e Marcelo Vellinho Publicação 23/03/2010 às 00:00:00 Atualizado 19/01/2013 às 21:47:57

A tentativa de assalto a um carro-forte terminou em tiroteio e deixou uma pessoa gravemente ferida, por volta do meio-dia de ontem, em frente ao Supermercado Condor, próximo ao terminal do Pinheirinho.

Três homens, fortemente armados, abordaram os seguranças da transportadora de valores Brinks, no momento em que eles carregavam malotes do mercado para o carro forte.

Os vigilantes reagiram e houve intensa troca de tiros. O transeunte Gilmar Quintiliano, 33 anos, que nada tinha a ver com a confusão, levou um tiro no peito e foi internado em estado grave no Hospital do Trabalhador. De acordo com a polícia, os criminosos fugiram sem levar nada e não foram localizados.

A abordagem dos marginais aconteceu na Avenida Winston Churchill, próximo à esquina com a Rua Leon Nicolas. Eles chegaram no Astra vermelho placa AQP-5705, de Ponta Grossa.

Conforme foi apurado pelo Centro de Operações Policiais Especiais (Cope), o veículo havia sido roubado há poucos dias, em Curitiba. Os bandidos, armados com fuzil e pistolas, deram voz de assalto aos seguranças e, a partir daí, iniciou-se o tiroteio.

Pelo menos nove tiros atingiram o carro-forte, enquanto outros tantos acertaram o Astra. Nenhum dos envolvidos foi baleado, no entanto Gilmar, que tinha acabado de sair de uma consulta médica, foi atingido por uma bala perdida.

Frustrados com o insucesso do assalto, os bandidos abandonaram o Astra e fugiram. A poucas quadras do supermercado roubaram um Gol prata de um casal idoso e fugiram em direção à Cidade Industrial. Minutos depois, a polícia localizou o carro, mas não encontrou os criminosos.

Por conta do forte armamento dos bandidos, não está descartada a possibilidade de eles integrarem uma quadrilha especializada em assalto a bancos e veículos de transporte de valores.

Átila Alberti
Carro forte recolhia o dinheiro do Condor do Pinheirinho.
Átila Alberti
Astra usado pelos bandidos foi crivado de balas e deixado no local.
Átila Alberti
Policiais rodoviários fizeram barreiras nas estradas.

Publicidade

Publicidade