Seab e Emater publicam edital para concurso

Redação O Estado do Paraná Publicação 09/01/2007 às 00:00:00 Atualizado 19/01/2013 às 21:08:52

O Governo do Paraná, através da Seab e da Emater, publicou edital para a realização de concursos, visando o preenchimento de 451 vagas (sendo 251 para a Seab e 200 para a Emater). Para a Secretaria da Agricultura estão sendo ofertadas 78 vagas para médicos veterinários; 39 para engenheiros agrônomos; 14 para engenheiros florestais; 6 para administradores; 8 para economistas; e 2 para zootecnistas, todos com salário básico de agente profissional, que é de R$ 2.088,00.

Também estão disponíveis vagas para os cargos de agente de execução. São 81 para técnicos agrícolas; 2 para técnicos de laticínios; 15 para técnicos administrativos; e 6 para técnicos de laboratório; estes, com vencimento básico de R$ 870,00.

Para a Emater, que não realizava concurso desde 1.991,são 3 vagas para médicos veterinários; 5 para engenheiros agrônomos; 2 vagas para Zootecnistas; 9 para Economia Doméstica; e 6 para assistentes sociais. Os salários são os mesmos da Seab, R$ 2.088,00. Para agente de execução, com salários de R$ 870,00, são 145 vagas para técnicos agrícolas , e 30 para técnicos administrativos.

As vagas estão distribuídas por todas as regiões do Estado e também para Curitiba. As inscrições custam R$ 80,00 para agente profissional, e R$ 60,00 para agente de execução.

As inscrições podem ser feitas de 15 de janeiro a 12 de fevereiro, através do site: www.cops.uel.br, e as provas acontecem no dia 25 de março, a partir das 14h, nas cidades de Curitiba, Londrina, Cascavel e Francisco Beltrão.

De acordo com o secretário da Agricultura, Newton Pohl Ribas, cerca de 40% destas vagas são para substituir servidores aposentados, falecidos, ou por demissões voluntárias. As vagas restantes são para fortalecer o quadro de funcionários que atuam nos programas de defesa sanitária animal e vegetal, de cultivos florestais, e no Pronaf e Crédito Fundiário.

Para os cargos de administrador, economista e de técnico agrícola da Seab, e de assistente social e técnico administrativo da Emater, vão ser chamados candidatos já aprovados em concursos públicos realizados pelo governo, em 2006.

O secretário lembrou que desde 2003 o governador Roberto Requião e o vice, Orlando Pessuti, vem investindo na modernização do serviço oficial, tanto da Seab como da Emater, e na valorização de seu quadro de funcionários. “A contratação de novos profissionais tem por objetivo fortalecer ainda mais a ações da Secretaria da Agricultura, e da Emater, junto ao seu público prioritário, que é o agricultor familiar”, destacou Newton Pohl Ribas. 


Publicidade

Publicidade

Comente a notícia