Capturados 3 presos foragidos de Pinhais

Bia Moraes Publicação 30/07/2002 - 01:17:08 Atualizado 19/01/2013 - 20:34:21

Continuam foragidos 17 presos do grupo que escapou da delegacia de Pinhais, no final da tarde de domingo. Ontem, o superintendente Cordeiro informou que foram 21 fugitivos, de um total de 42, que conseguiram escapar. Destes, três foram recapturados na mesma noite, e um foi encontrado ontem pela manhã escondido na região do Alto Maracanã, em Colombo.

Agnaldo José Alves Ventura, o "Quina", foi preso ontem por policiais de Pinhais no bairro Monte Castelo, Alto Maracanã. Ele é condenado a 4 anos e cinco meses de prisão por roubo. Silas Pereira da Silva e Eugênio Machado Pereira Neto, o "Gênio", detidos por roubo e furto, respectivamente, foram pegos no domingo à noite, perto da delegacia, logo depois da fuga. Elimar Cléber dos Santos, preso por furto, levou a pior: foi baleado na perna por um policial enquanto tentava pular o muro da delegacia. Medicado no hospital da cidade, já está de volta ao xadrez.

Foragidos

Os dezessete que continuam foragidos são Márcio Pereira de Oliveira, o "Xepa", preso por homicídio; Davi Camargo Aranha, condenado a 22 anos de prisão por latrocínio (roubo seguido de morte); Adriano Batista Camargo, o "Carioca", preso por roubo e estupro; Ademir Marques Padilha, detido por porte de drogas; Camilo Basílio, condenado por roubo; e Cléverson Tomé de Souza, o "Cabecinha", também condenado por roubo.

Também estão nas ruas Vanderlei Gonçalves de Lima, o "Amaral", Rafael Cirilo de Castro, Sérgio dos Santos de Paula, o "Paulista", Edvaldo José da Silva, o "Sassá", Richar Bacennelo Medeiros, Rogério Mattos, o "Rogerinho", Everson César Pires de Lima, o "Negritinho", Iranildo Inácio Dias, o "Nildo", Sidnei de Souza, o "Nei", e Daniel Antonio Lopes Leão, o "Danielzinho", todos presos por roubo ou furto.

Outro foragido é Anderson Luís de Souza, o "Black". Ao ser preso por roubo, "Black" havia dado o nome de Robson Geraldo Rodrigues, primo dele, que ontem foi até a delegacia esclarecer o caso.

O superintendente Cordeiro pede que qualquer informação sobre os fugitivos seja repassada à delegacia de Pinhais pelo telefone 667-1598.


Publicidade

Publicidade

Comente a notícia