Governador Beto Richa sanciona salário mínimo regional em Curitiba

Luciana Cristo Publicação 01/05/2011 - 17h45 Atualizado 08/03/2014 - 04h19

O governador Beto Richa (PSDB) sancionou o novo salário mínimo regional do Paraná na tarde deste domingo (1º), durante as comemorações do Dia do Trabalhador preparadas pela Força Sindical na Praça Nossa Senhora de Salete, em Curitiba. Com a sanção, o piso estadual tem reajuste de 6,9%, em quatro faixas salariais que vão de R$ 708,14 a R$ 817,78, valores que, por mais um ano, colocam o Paraná como o estado com maior mínimo regional do País.

Mesmo assim, a Força Sindical ressalta que os valores poderiam ter tido um aumento maior.  “Não era aquilo que a gente queria, mas foi o possível neste momento. Para o ano que vem, vamos novamente propor que o mínimo regional seja reajustado com base no crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) do Estado”, respondeu o presidente em exercício da Força Sindical do Paraná, Clementino Vieira.

Junto aos trabalhadores, o governador comemorou o reajuste. “É fruto de uma positiva negociação que o governo conseguiu intermediar entre as classes patronal e trabalhadora. Chegamos a um número que os empresários puderam atender e é um percentual que consolida o Paraná como o estado de maior salário mínimo”, afirmou.

Segundo o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Socioeconômicos (Dieese), o mínimo do Paraná tem potencial para atingir 1,3 milhões de trabalhadores em todo o Estado.

Shows

As comemorações do Dia do Trabalhador terminam neste domingo apresentação de duplas sertanejas. A partir das 18, Bruno e Marrone sobem ao palco para o último show da noite. As duplas Tony e Brian, Pedro Henrique e Octavio e Álvaro e Daniel animaram a festa durante a tarde.

Leia mais

Festa do Dia do Trabalhador inicia com missa no Centro Cívico


Publicidade

Publicidade