Itaú-Unibanco consegue interdito para abrir agências em Curitiba

Rodrigo Feres Publicação 05/10/2010 às 14:22:06 Atualizado 19/01/2013 às 21:56:04

A greve dos bancários continua em todo o País e no Paraná muitas agências seguem fechadas. Ao todo são 239 agências bancárias fechadas em Curitiba e Região Metropolitana.

Segundo o Sindicato dos Bancários de Curitiba e Região, apenas dois bancos estão com as agências abertas: o HSBC e o Itaú-Unibanco. "Estes bancos estão abertos em Curitiba devido a um interdito proibitório. No total são 119 bancos públicos fechados e 120 privados", relatou a assessoria de imprensa do Sindicato.

Apesar da tentativa de retaliação dos banqueiros, a categoria se mantém mobilizada, com aproximadamente 10 mil bancários em greve. O total de trabalhadores em greve no Paraná é de 14 mil, com 514 agências fechadas.

Negociações

Segundo a assessoria, até o momento a Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) fez apenas uma proposta, que não agradou a categoria. "Eles se propuseram a dar a reposição da inflação, de 4,29%. Infelizmente a culpa é mais dos bancos que não querem negociar do que a dos bancários", relatou.

Por enquanto o cenário segue igual, sem negociações. "As negociações podem ser retomadas, mas não temos resposta da Fenaban", concluiu.

Reivindicações

As principais reivindicações da categoria incluem reajuste salarial de 11% e piso salarial de R$ 2.157,88, além de participação nos lucros e resultados (PLR), vale-refeição, vale-alimentação e auxílio creche.


Publicidade

Publicidade

Comente a notícia

Esta notícia já contém 11 comentários.

  • ... Farinela
    06/10/2010 - 10:01

    é fabiano e Mauro Oliveira, brigar por melhores condições de atendiento para clientes e funcionários não é ser vagabundo, afinal professor faz greve e n é vagabundo, como professor já fiz 30 dias de greve e tivemos ganhos para nos e população.

    A responsabilidade do comentário é do autor da mensagem e não representa a opinião do Paraná Online.
    Denuncie o comentário Responda o comentário

  • ... Farinela
    06/10/2010 - 09:59

    40% é para serviços essenciais e acredito q só desta forma os bancos serão forçados a melhorar as condições de trabalho, como os professores .. apoio totalmente, e se todos fizessem isso teriamos melhores salarios e condiçoes para todas as profissoes

    A responsabilidade do comentário é do autor da mensagem e não representa a opinião do Paraná Online.
    Denuncie o comentário Responda o comentário

  • ... Farinela
    06/10/2010 - 09:45

    LIcenciamento pode ser retirado o protocolo nos caixas eletrônicos e pago no Banco Popular que é do banco do Brasil, além de pagamentos, podem ser realizados no Banco Popular. --> Greve, tem como motivo melhorar o atendimento aos clientes.

    A responsabilidade do comentário é do autor da mensagem e não representa a opinião do Paraná Online.
    Denuncie o comentário Responda o comentário

  • Mauro Oliveira
    05/10/2010 - 18:37

    Uma corja de vagabundo. Se tivesssemos um gorverno de pulso firme já teriam colocado todos na RUA. Greve é uma coisa vandalismo é outra. Proibir as pessoas de utilizarem os terminais ou de entrarem na agência bancaria é CRIME. Cadeia

    A responsabilidade do comentário é do autor da mensagem e não representa a opinião do Paraná Online.
    Denuncie o comentário Responda o comentário

  • Cristiane Saraiva
    05/10/2010 - 16:31

    informaçao que interesse aos demais, mas referida ao comentario do pedro; eu paguei meu licenciamento na agencia do banco popular; ele é credenciado ao bb. essa greve vai dar muito rolo ainda e incomodar muita gente. mas tentem ir la. eu consegui!

    A responsabilidade do comentário é do autor da mensagem e não representa a opinião do Paraná Online.
    Denuncie o comentário Responda o comentário