Procura por licitação dos táxis é grande

Felipe Rosa
legenda

A licitação do táxi, lançada no último dia 16, é a que obteve maior número de interessados, se comparada a outras licitações já realizadas pela Urbs. Até o início da manhã desta quarta-feira (28) 1.467 pessoas haviam baixado o edital e em torno de 150 pessoas encaminharam perguntas e solicitações à comissão especial de licitação.

Os interessados em participar da licitação devem ler atentamente o edital. Dúvidas e solicitações devem ser protocoladas na recepção da Urbs ou enviadas para o e-mail esclarecimentosedital@urbs.curitiba.pr.gov.br.

Todas as perguntas e solicitações encaminhadas na forma definida no edital estão sendo respondidas e disponibilizadas pela comissão de licitação no site da Urbs. Os documentos da licitação, o que inclui os boletins, podem ser baixados gratuitamente, podendo também ser impressos ou arquivados.

Conforme previsto no edital, todas as perguntas, questionamentos e solicitações devem ser encaminhados à comissão de licitação com protocolo na recepção da Urbs ou pelo e-mail específico. Intervenções por qualquer outro meio não serão atendidas pela comissão uma vez que todas as respostas devem ser disponibilizadas para todos os interessados ao mesmo tempo.

Para acessar, localize Edital do Táxi na página inicial do site da Urbs e em seguida localize Concorrência Urbs – Licitação 01/2013. A partir daí basta clicar sobre o link de cada documento – edital, boletins de esclarecimento. Nesta etapa é feito um cadastramento, sendo necessário preencher dados solicitados. Uma vez feito o cadastramento, para os próximos acessos serão solicitados apenas e-mail e senha.

Outorga

A concorrência está sendo feita para seleção de pessoas físicas para outorga onerosa de 750 novas autorizações para prestação de serviços de táxi em Curitiba no prazo de 35 anos prorrogáveis por até mais 15 anos.

A análise das propostas técnicas levará em conta o tempo de experiência profissional como condutor de táxi; infrações ao Código de Trânsito Brasileiro e ano de fabricação do carro com pontuação que vai de dois, para veículos fabricados em 2009, a dez, para carros fabricados em 2013. Não serão aceitos veículos fabricados antes de 2009.

A outorga anual será no valor equivalente a 500 quilômetros rodados o que, na tabela atual, representa R$ 1.000,00, podendo ser paga em duas parcelas. O primeiro pagamento será em 2014.  O não pagamento da outorga anual poderá implicar na extinção da autorização.


Publicidade

Publicidade

Comente a notícia

Uma pessoa comentou.