Avião de pequeno porte cai em Campina Grande do Sul

Giselle Ulbrich Publicação 19/10/2012 às 13:50:30 Atualizado 19/01/2013 às 21:23:28
Josinel dos Santos / Colaboração

A queda de um avião monomotor do Aeroclube do Paraná, ocorrida no final da tarde de ontem em Campina Grande do Sul, matou duas pessoas. O avião de acrobacias caiu em um sítio da Rua Pedro Dal Pra, no Jardim Santa Rita. Um dos mortos é o piloto de instrução Juliano Wolski Hecker, 33 anos, que tem 15 anos de experiência em acrobacias aéreas. A outra vítima ainda não tinha sido identificada até a noite de ontem.

Segundo informações do Aeroclube, Juliano fazia um voo para renovar sua habilitação de piloto de acrobacias, procedimento comum que todos os pilotos precisam fazer de tempos em tempos. O avião decolou do Aeroporto do Bacacheri, às 17h55, e seguiu para a área de manobras, afastada de Curitiba.

Parada

Uma pessoa teria visto o momento em que o avião parou uma acrobacia, entrou em parafuso e caiu, pouco depois das 18h. Ainda não se sabe a causa do acidente, que deverá ser investigadas pela Agência Nacional de Aviação Civil (Anac). Juliano seria um piloto muito experiente e as condições meteorológicas não eram ruins.


Publicidade

Publicidade

Comente a notícia