Balanço geral

Publicado em 07/12/2011 às 06:58:51 - Atualizado em 20/01/2013 às 09:53:38
Perfil de Luiz Claudio Massa

Não "deu certo" dentro de campo, mas percebeu que o futebol faria parte da sua vida, mesmo longe das quatro linhas. Tem diploma de treinador de futebol, mas espera nunca precisar dele. Trata as coisas do futebol e da vida com simplicidade e leveza. Sem angústias.

O Brasileirão chegou ao fim. É hora de analisar a trajetória do Coritiba na campanha de 2011. Que se repitam os acertos e os mesmos erros não sejam cometidos na temporada de 2012, como único representante paranaense na série A. O Coxa alcança um degrau acima dos rivais paranaenses, aumentando a responsabilidade para bem representar o Estado na próxima temporada.

Campeonato Paranaense

Sem restrições. Não poderia ser diferente. O Alviverde venceu o primeiro turno de forma invicta. Quando se esperava uma reação dos adversários, o time não perdeu o embalo e ganhou o segundo turno, mantendo a invencibilidade e levantando o seu 34.º título estadual. De quebra, Bill e Davi dividiram a artilharia da competição.

 

Copa do Brasil

Foram "deixando" e o Coritiba foi chegando. Os favoritos ficaram pelo caminho e o Coxa chegou à decisão com amplas possibilidades de levantar o troféu. Fez um bom jogo em São Januário, mas saiu em desvantagem na decisão. No Couto Pereira lotado deu o troco, mas deixou o título escapar pelo gols que deixou de fazer como visitante.

Ao apostar em Marcos Paulo como titular, Marcelo Oliveira desmanchou um esquema que vinha dando certo. Acabou levando o gol que desestabilizaria o time. Em tempo retomou ao esquema antigo e virou o jogo. Um pênalti claríssimo não marcado por Sálvio Espínola, tirou o grito de campeão da garganta do povão coxa-branca. Como consolação, o Coritiba entrou para o Livro dos Recordes. Nenhum outro clube brasileiro atingiu a marca que deve durar por muito tempo. Talvez, a maior conquista do ano.

Brasileirão

A perda da Copa do Brasil e a obrigatoriedade em poupar jogadores para as seguidas decisões, fizeram o time penar nas primeiras rodadas, quase alijando-o da disputa. Em casa, o Coxa foi quase imbatível. Ao contrário, nos jogos fora de casa entregou-se, algumas vezes facilmente outras nem tanto. Fez uma campanha para ficar no meio da tabela. A esperança de vaga na Libertadores retornou na ótima sequência da reta final. Chegou ao clássico com todas as condições de conseguir a vaga. Uma péssima partida, sem a mesma garra e disposição que marcaram o ano, fez o time sucumbir ante a um rival já rebaixado, devido ao resultado clássico mineiro.

 

Decisão

Duas oportunidades para entrar competição mais importante da América foram perdidas. Ficou óbvio que Marcelo Oliveira e o Coxa precisam se preparar melhor para decisões.

Manipulações

Um leitor, preocupado com manipulações extra-campo chegou a seguinte conclusão: caso entrasse na fase eliminatória da Libertadores e não se classificasse para a de grupos, como aconteceu com o Corinthians neste ano, o Coxa ficaria sem disputar a própria Libertadores, a Copa do Brasil e a Sulamericana. O calendário se resumiria ao Paranaense e ao Brasileirão e a grana não valeria a pena. Será?

De qualquer modo, em 2013, a CBF garantiu um calendário mais extenso para a Copa do Brasil e outros privilégios para quem disputa a Libertadores.  

 

Comente a postagem

Esta postagem já contém 16 comentários.

  • Sergio Souza
    08/12/2011 - 07:02
    Denuncie o comentário Responda o comentário

    ei Tom Marks ledo engano seu, porque vc acha que ele está mexendo com o BMG? Canalhice.

    A responsabilidade do comentário é do autor da mensagem e não representa a opinião do Paraná Online.
  • Sergio Souza
    08/12/2011 - 05:13
    Denuncie o comentário Responda o comentário

    Descobri meu lado sádico; Leio o Mafuz todos os dias. hoje ele demonstra seu caráter não respeitando colegas de profissão. Isso se chama inveja. Parabéns Massa você honra seu sobrenome.

    A responsabilidade do comentário é do autor da mensagem e não representa a opinião do Paraná Online.
  • rafael brasil
    07/12/2011 - 21:15
    Denuncie o comentário Responda o comentário

    ......a, e eles, 5º lugar da Segundona .......

    A responsabilidade do comentário é do autor da mensagem e não representa a opinião do Paraná Online.
  • rafael brasil
    07/12/2011 - 21:14
    Denuncie o comentário Responda o comentário

    O Coxa pode até ter perdido 2 oportunidades de Libertadores, mas torcida; fomos bem nos 3 campeonatos: BI campeão PR, vice C.Brasil e entre os 8 do Brasileirão. 2012 tem mais: Tri do PR, campeão da C.Brasil e pelo menos entre os 5 no Brasileirão..

    A responsabilidade do comentário é do autor da mensagem e não representa a opinião do Paraná Online.
  • rafael brasil
    07/12/2011 - 21:10
    Denuncie o comentário Responda o comentário

    isto ai tom marks, acho q ele caiu na real, o time do Fafuz é de segunda agora e esperamos q seja por um bom tempo, p acabar com esta prepotência e soberba destes "atreticanos" la da REBAIXADA kkkkkkkk

    A responsabilidade do comentário é do autor da mensagem e não representa a opinião do Paraná Online.

Publicidade

Publicidade